Hipnose Criciúma | Atendimento Social


O porquê de realizarmos um atendimento terapêutico, apelidado de Social

Solidariedade

Uma vida equilibrada mentalmente, emocionalmente e espiritualmente pressupõe o ato de doar e de receber. Isso faz parte da história humana, porque faz parte das Leis do Universo. Na Física, um elemento de maior temperatura, junto a de menor temperatura, doará temperatura a este último, até a obtenção do equilíbrio térmico entre ambos. Dois átomos próximos, onde um possui mais elétrons em sua última camada, doará elétrons a outro que possuí menos elétrons, até a obtenção do equilíbrio. Então, doar carinho, atenção, mantimentos, tempo, dinheiro, roupas, etc pressupõe equilíbrio . . . e isso não é comunismo ou síndrome de Robin Hood, onde se retira dos ricos para se dar aos pobres. Chama-se SOLIDARIEDADE que é um traço marcante do AMOR AO PRÓXIMO.

Doar sempre fará bem a ambos, para quem doa e para quem recebe. Hoje, convivemos com muitas pessoas no mundo que estão fora de seu eixo de equilíbrio, porque não conseguem enxergar a importância do ato de doar. Uns consideram que não tem tanto para pensar em doar, como se doação fosse apenas de dinheiro, alimentos ou de bens. Vivem dia após outro, reclamando, sendo egoístas, vivendo em um mundo próprio, cercados pelo que julgam possuir a mais e não conseguem enxergar que fazer parte de um oceano da mesma essência . . . uma essência Divina. Graças a Deus, existem muitas e muitas pessoas que pensam diferente e embarcam na maravilhosa experiência de doar.

A Hipnose Criciúma, em seu nicho, realiza a doação de atendimentos com Hipnose Condicionativa, com o Coaching, com a Terapia de Vidas Passadas e com a Terapia Reiki. Em troca, para promover o equilíbrio e para multiplicar o poder da doação e, consequentemente, da Solidariedade, pede a doação de 5Kg de alimentos não perecíveis ou um pacote de fraldas geriátricas a serem repassadas, posteriormente, a uma instituição beneficente. Esse "pagamento" em forma de doação é para propiciar a multiplicação da Solidariedade. O cliente Social doador recebe o atendimento terapêutico para resolver os seus problemas psico-emocionais ou psicossomáticos e por sua vez, sente-se bem com a doação que será repassada a quem precisa. A instituição beneficente recebe a doação de alimentos não perecíveis e fraldas geriátricas, necessárias a manutenção de seus acolhidos e a Hipnose Criciúma ganha o bem estar de contribuir diretamente com a vida de pessoas que necessitam de atendimento terapêutico e, indiretamente, com a instituição beneficente e seus acolhidos.


Para quem se destina e como funciona o Atendimento Social

Para criarmos parâmetros e delinearmos um universo de potenciais clientes a serem atendidos, algumas comprovações necessitam ser feitas. O Atendimento Social é destinado a pessoas maiores de 18 anos, que estão desempregadas ou que ganham até um salário mínimo, cujo salário era (caso de desemprego)/é (caso de salário mínimo) o maior da família. Por exemplo, se marido e mulher contribuem financeiramente, de forma solidária, para a manutenção do lar e o homem fica desempregado, este, terá direito ao atendimento social, apenas se o seu salário era o maior entre os dois (casal). O mesmo vale para a mulher, se ela tinha (caso de desemprego) ou tem (caso de salário mínimo) o maior salário na família, terá direito ao atendimento social. Resumindo, tem que ser o principal mantenedor do lar. Para quem está desempregado, basta apresentar o seu RG, a cópia da rescisão contratual e a Carteira de Trabalho com a respectiva baixa, além de assinar uma declaração de que não está trabalhando, mesmo que de modo informal. Para aqueles maiores de 18 anos que ganham até um salário mínimo, basta apresentar o RG e o contracheque ou holerite, comprovando o salário mínimo, tudo isso se o salário for o maior da família.

Agora, para marcar o atendimento, basta clicar nos links de uma das técnicas dispostas no menu "Agendamento" e seguir as orientações. Ao ligar para marcar horário, basta dizer que é para o atendimento social. Deve ficar ciente que o atendimento social ocorre apena pelas manhã, de segunda a sexta, de 10h as 11:30h. Também, que poderá haver uma fila considerável de espera, já que temos apenas 4 (quatro) vagas por vez. Ainda, que deverá apresentar, na avaliação inicial, os documentos originais e as cópias, conforme cada caso já explicado, além dos solicitados especificamente dentro de cada técnica de atendimento.

Dúvidas podem ser retiradas pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou pelo número de telefone do consultório (48) 3413-8063, de segunda a sexta-feira, em horário comercial ou por mensagem WhatsApp (48) 99652-7928.